UM LIVRO PARA TODOS

||
Eu como educadora, leitora e escritora fico imensamente feliz quando vejo iniciativas como esta da Wanda.
Parabéns a todos àqueles que, como ela, promovem o acesso ao mundo maravilhoso dos livros à todos!!!

Eis a matéria publicada no Blog da Biblioteca Florestan Fernandes - FFLCH USP

Um livro para todos: braille sem páginas perfuradas

14/12/2010 por bibliofflch

Livros em braille são a alternativa mais eficaz para garantir a leitura por parte daqueles que possum alguma deficiência visual. No entanto, é curioso imaginar que um livro escrito nesse método não é, de fato, totalmente inclusivo, já que pessoas que não são cegas dificilmente terão conhecimento suficiente para ler uma obra escrita em braille. Com alguma criatividade, porém, é possível superar essa barreira e criar uma obra destinada a *todos* os leitores, quer tenham eles deficiência ou não.
Esta é a ideia da designer gráfica Wanda Gomes, que criou um livro em braille sem o uso de perfuração, o processo básico da escrita de um livro nesse estilo. O novo método, denominado Braille.BR, consiste num tipo de impressão sobreposta, que não prejudica a impressão convencional. O sistema braille é usado juntamente com a impressão normal, garantindo a leitura tanto por parte de cegos quanto daqueles que possuem visão plena.
Produzido conforme esse tipo de impressão, o livro Adélia Cozinheira foi enviado recentemente a escolas, bibliotecas e instituições educacionais, com o intuito de oferecer a crianças com e sem deficiência visual a mesma possibilidade de leitura. No caso deste livro, outros elementos também foram usados: as crianças também podem sentir o livro (pelo tato) e cheirá-lo, já que esses dois aspectos da percepção humana foram considerados na produção gráfica da obra.
Sem dúvida, um método que ainda vai dar o que falar, e de uma forma bastante positiva.

Nenhum comentário:

© Francine Cruz - 2012. Todos os direitos reservados.
Criado por: Ana Zuky.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo